A Possible responde suas dúvidas a respeito de traduções...
374
page-template,page-template-full_width,page-template-full_width-php,page,page-id-374,ajax_fade,page_not_loaded,,qode_grid_1300,footer_responsive_adv,qode-child-theme-ver-1.0.0,qode-theme-ver-16.7,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-5.5.2,vc_responsive

Dúvidas

Dúvidas Frequentes

O que é tradução juramentada?

Tradução juramentada

Tradução juramentada é uma tradução feita por um tradutor público, o qual possui um registro na JUCESP, e sua tradução é válida como um documento que possui fé pública.

A TRADUÇÃO JURAMENTADA é entregue ao cliente, juntamente com os originais ou cópias dos documentos, em papel timbrado do tradutor juramentado, com sua assinatura reconhecida em cartório. Além disso, a tradução é registrada no livro da Jucesp e, em seu próprio papel timbrado, irá constar o número do livro e as folhas em que a tradução foi registrada.

Porque devo enviar meus documentos originais para a agência de traduções?

Porque devo enviar meus documentos originais para a agência de traduções?

A agência de tradução não tem por obrigação sinalizar ao cliente se ele deve traduzir um documento original ou uma cópia simples pois estas informações devem ser questionadas, pelo cliente, ao órgão a que ele irá submeter a tradução juramentada. Contudo, obviamente, contando com mais de 12 anos de experiência, nossos consultores estão cientes de alguns trâmites e, sempre que possível, eles procurarão orientar o cliente. Note-se que a responsabilidade de averiguar junto ao órgão é sempre do próprio cliente, pois não há como conhecermos todas as exigências de todos os órgãos. Mas, na medida do possível, procuramos prestar essa consultoria.

Certidões de nascimento, casamento, divórcio, óbito, passaporte, diplomas, histórico escolar e documentos de identidades possivelmente terão de ser traduzidos pelo original, pois estas traduções comumente são utilizadas para divórcios em outros países – ou divórcios, no Brasil, de casamentos ocorridos em outros países -, para a obtenção de cidadania estrangeira ou ainda para ingressar em cursos de escolas estrangeiras. Em todos esses casos, há a necessidade da tradução no documento original.

Devo levar minha tradução ao CDT?

Devo levar minha tradução ao CDT?

Para alguns tipos de trâmites, além da tradução juramentada o cliente deve levar a tradução e os originais ao CDT para validação. Para tanto, ele deve se informar desta necessidade junto ao órgão ao qual irá submeter a tradução.

O que é apostila?

APOSTILA

Após o acordo de Haia, houve uma mudança para facilitar o reconhecimento da veracidade de determinados documentos. Assim, os países que fazem parte deste acordo podem APOSTILAR seus documentos, sendo que as APOSTILAS dos documentos sempre devem ser traduzidas, normalmente pelo conteúdo em inglês.

Em que outras situações há necessidade de traduções juramentadas?

Necessidade de traduções juramentada?

É bem possível que o documento que for submetido ao judiciário deva ser submetido mediante tradução juramentada. Por exemplo, se houver necessidade de comprovar algum vínculo comercial ou de outra origem em um processo através de trocas de e-mails, estes e-mails possivelmente deverão ser traduzidos para o português e a tradução somente terá validade perante ao juiz se for juramentada. Neste caso, o solicitante deve gerar arquivos em PDF das trocas de e-mail para que nós imprimamos e façamos a tradução pela impressão. Essa tradução irá com o carimbo no verso, onde consta o número do livro e as folhas utilizadas, sendo que as traduções serão devolvida no papel timbrado do tradutor.

Contratos de compra e venda, contratos de prestação de serviços, procurações e outros documentos legais comumente exigem que a tradução seja juramentada.

Estamos esperando para atender você!